Aqui vou publicar os meus receios, as minhas angustias, as minhas aventuras neste pequeno planeta...

20
Jun 08

 

Sonhei que estava num país maravilhoso…
Tipo abadia no país dos sonhos…
Os passarinhos cantavam alegremente, as pessoas sorriam, cumprimentavam-sefelizes.
Os amigos conversavam animadamente nas mesas dum café…
Os namorados beijavam-se na beira dum riacho onde os peixes saltavam alegremente.
As pessoas eram felizes…
E ali andava eu de sorriso estúpido na cara, cantando( eu!) e saltando.
Todos eram felizes…
De repente uma nuvem negra aparecia no horizonte e tudo mudava…
Os pássaros voavam em círculos aterrorizados!
O riacho tornou-se escuro, os peixes desapareceram, os namorados começaram a discutir violentamente.
Os amigos trocavam palavras violentes à mesa do café…
As pessoas deixaram de cumprimentar quem passava por elas, de cara feia resmungavam algo, quando me atrevi a dizer bom dia.
Todos queriam ter razão…
Todos queriam manter o seu orgulho até ao fim…
Todos falavam como se soubessem tudo…como se fossem os donos da verdade…
Ninguém ouvia o coração…
Todos falavam com a cabeça…
A tristesa apoderou-se de mim…
De dedo espetado alguém me acusava de quere ter sempre razão…de não ouvir os outros…
De não ser tolerante, de ser egoista…
Defeitos…e mais defeitos…
Comecei a pensar…
E virtudes?
Não as tenho?
Sou assim um ser tão mau?
Será que me transformei numa pessoa sombria?
Que não ouve os argumentos dos outros?
Que magoa inadevertidamente os amigos?
De repente acordei…
O país das maravilhas…transformou-se na realidade…
Sim…tenho efeitos…
Sim não sou perfeita…
Posso não seguir as opiniões dadas, mas que ouço as pessoas importantes para mim é verdade…
Que estimo os amigos…até hoje pensava que sim…
No entanto a vida deu-me oi direito de ques tionar a amizade…
De dúvidar das pessoas, de querer ter a última palavra…
Pode ser injusto para com os outros…mas é assim!
Uma coisa é certa…todos erramos e todos magoamos alguém…
Quem pensa que já não magoa ninguém…é hipócrita!
Todos nós, seres imprefeitos vamos errar ao longo da vida…e vamos magoar as pessoas!
Sim…podemos aprender com os nossos erros…
Mas nem sempre é fácil seguir em frente, reconhecer o erro…
Uma vez disse a alguém e hoje torno-o a afirmar…
Se sou uma pessoa assim tão má…com tantos pontos negativos…deixem-me de falar!
Não necessito que me falem só por favor, ou porque sou amiga de x.
Conhecidos tenho pargas…amigos…
Prefiro os …
 E acredito que vai ser assim para sempre.
A vida me ensinou da maneira mais dura a não confiar em ninguém…
Foi uma licão de vida, uma lição para a vida…que vou recordar até morrer…
E que não vou permitir que se repita.
Se lamento alguma coisa?
Muitas…
Se voltasse atrás mudava alguma coisa?
Nada.
Não é justo para as pessoas que tropeçam em mim?
Não…não é.
Mas a justiça não está comigo…
Se não não me tinha feito o que fez…
Perdi o emprego e saí com uma mão atrás e outra no cú…
Sim…para mais nada entrar!
Mesmo assim…mentem-me, não assumem os cumpromisso que fizeram comigo!
Sim…eu não vou para tribunal de trabalho, acredito nas mentiras e assim se vai passando os dias…
Até o dia em que o copo transbordar definitivamente…
Depois corro todos à vassourada…
Depois todos me vão apontar o dedo…eu é que vou ser a má da fita…para variar um pouco!
Sou sempre culpada, de falar…de não falar…de fazer…de deixar de fazer…
Mas não me importo…prefiro ser a má a fazer o papal de vítima, de coitadinha…
Nunca necessitei que tivesses, e não é agora que vou querer que tenham pena de mim!
Prefiro que me deixem de falar…ou que digam mal de mim!

Sim…é um feitio de m***
E só me aguenta quem tiver um feitio igual ou pior!
Pois é…o pais das maravilhas da abadia foi tomado por uma nuvem cinzentona que teima em ficar…
A solução?
Tirar a espada e esgrimar a vida…lutar para viver...ou sobreviver.    
Não sou mais do que os outros, não tenho o dom da verdade….
Posso não saber o que quero…
Mas definitivamente…sei o que não quero.
Deixo aqui uma nota para evitar más interpretações aos meus conhecidos que aqui me vêm visitar:
Este post não é apra atingir ninguém, não é para atacar ou defender ninguém…
É uma necessidade minha…de desabafo.
Afinal foi para isso que criei o blogue…
 
 
publicado por abadia7 às 23:35
sinto-me:

Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
17
18
19
21

22
24
25
26
27

29
30


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO